GESTÃO 2016/2020

Professor André Reis propõe definição de políticas para alinhar ações

A Secretaria de Comunicação (Secom) e a UnBTV publicam entrevistas com os novos decanos da Universidade de Brasília. Para André Reis, atividades esportivas e culturais estão entre as prioridades do decanato.

Foto: Beto Monteiro/Secom UnB

 

Professor da Faculdade de Educação Física (FEF) da Universidade de Brasília, André Reis foi indicado pela reitora Márcia Abrahão para chefiar o Decanato de Assuntos Comunitários (DAC). Único homem a compor a mesa de decanos, Reis foi coordenador do programa Viva Bem UnB, voltado para servidores e terceirizados. "Temos interesse em institucionalizar o Viva Bem e promover a interssetorialidade, além de estabelecer parcerias com outros decanatos", afirmou.

 

Sobre os desafios do DAC, Reis comenta que o setor está em construção, mas destaca a riqueza de capital humano na Universidade. "É preciso organizar a política do decanato, a visão da área. Não pode ser apartado dos outros. Devemos discutir afinidades para realizar mais ações e com maior impacto", disse.

 

O decano também adiantou que o DAC focará em atividades esportivas. "A infraestrutura do esporte da UnB está defasada há mais de 40 anos. Uma das nossas medidas prioritárias é sanar esse déficit. Queremos desenvolver uma política em que o esporte desempenhe as funções comunitária, de lazer e recreação. Queremos também desenvolver uma agenda positiva com esporte, arte e cultura", prosseguiu. 

 

Confira a íntegra da entrevista concedida por André Reis à UnBTV:

 

 

Veja também:

<< Primeira reitora da UnB usará diálogo para superar desafios

<< Decana de Ensino de Graduação avalia desafios

<< Decana de Pesquisa e Pós-Graduação quer estreitar relações com órgãos de fomento

<< Decana de Planejamento e Orçamento aposta em parcerias para manter excelência

<< Decana de Gestão de Pessoas defende qualidade de vida para servidor e eficiência administrativa

<< Reestruturação e economicidade são prioridades para decana de Administração

<< Decana de Extensão quer dar visibilidade aos projetos da UnB