UnB EM AÇÃO

Mais de 5,9 milhões de pessoas foram infectadas e 166 mil foram a óbito no Brasil desde o início da pandemia 

Boletim aponta evolução das mortes diárias por covid-19 no mundo. Imagem: Reprodução

 

Números atualizados da pandemia de covid-19 no Brasil mostram que 5.911.758 pessoas foram infectadas pelo novo coronavírus desde o início da transmissão em território nacional, com 166.699 mortos até então.

 

A 27ª edição do Boletim Coes, publicação do Comitê Gestor do Plano de Contingência da Covid-19 (Coes) da UnB, apresenta os últimos dados da pandemia de covid-19 no Brasil e no mundo.

 

>> Leia a íntegra da 27ª edição do Boletim Coes

 

COVID-19 NO BRASIL – O Brasil ainda é o país latino-americano que mais registra infecções por covid-19. Há sinais de crescimento dos casos nos estados do Paraná e de São Paulo, onde já está sendo identificado o aumento no número de internações. A preocupação é de que as contaminações se elevem consideravelmente após as celebrações de fim de ano.

 

COVID-19 NO MUNDO – A covid-19 ultrapassou a marca de 11 mil mortes diárias mundialmente. Recentemente, foram reportadas 1.200 mortes em 24 horas na França, ao passo que os Estados Unidos registraram 1.400 óbitos em um único dia.

 

Quanto às infecções, há destaque para o continente asiático, onde Japão e Indonésia tiveram aumento de casos. Na Europa, a Itália apresenta número de casos confirmados maior do que na chamada primeira onda da doença. Reino Unido, França e Espanha impuseram lockdown para frear o esgotamento de leitos hospitalares. A Europa Oriental também registra grande crescimento de infectados.

 

Nas Américas, houve aumento significativo de casos em diversas cidades dos Estados Unidos, o que causa questionamento de que a segunda onda europeia já possa ter cruzado o Atlântico e chegado ao continente americano. Não houve alterações significativas nos dados da pandemia na Oceania – a Austrália, por exemplo, não registra mortes por covid-19 desde 20 de outubro. Na África, a maior concentração de casos está na região Austral, com a África do Sul liderando o ranking de infectados e óbitos.

 

*Dados sobre a pandemia atualizados depois do fechamento da 27ª edição do Boletim Coes 

 

Leia também:

>> Maria Auxiliadora César recebe título de professora emérita

>> Cursos de pós-graduação lato sensu já têm acesso ao SIGAA

>> Cepe continua debate sobre próximo semestre letivo

>> Iniciativa de docentes e estudantes traz retrato inédito do Departamento de Administração

>> UnB dá início ao biênio 2020-2022 do Programa Institucional de Bolsas de Iniciação à Docência

>> Pesquisa da UnB analisa as consequências da pandemia no trabalho de psicólogos

>> Professoras em licença-maternidade terão prazo maior para credenciamento e recredenciamento na pós

>> Relatório apresenta resultado de autoavaliação da Universidade de Brasília em 2019

>> Especialização da UnB leva conteúdo científico a estudantes da educação básica do DF durante a pandemia

>> UnB homenageia servidores Prata e Ouro da Casa

>> Servidora do Instituto de Letras, Lucinéia Gonçalves recebe título de Mérito Universitário

>> Reitora da UFRJ visita espaço de inteligência de combate à covid-19

>> DPG realiza ciclo de webinários sobre Capes PrInt

>> Em disciplina integrada à pesquisa contra covid-19, estudantes monitoram casos da doença no DF

>> Critérios para participar de testes da vacina chinesa no HUB são ampliados

>> Campanhas de solidariedade da UnB continuam contando com você

>> Webinário apresenta à sociedade projetos de combate à covid-19

>> Copei divulga orientações para trabalho em laboratórios da UnB durante a pandemia de covid-19

>> Coes publica cartilha com orientações em caso de contágio pelo novo coronavírus

>> UnB cria fundo para doações de combate à covid-19   

ATENÇÃO – As informações, as fotos e os textos podem ser usados e reproduzidos, integral ou parcialmente, desde que a fonte seja devidamente citada e que não haja alteração de sentido em seus conteúdos. Crédito para textos: nome do repórter/Secom UnB ou Secom UnB. Crédito para fotos: nome do fotógrafo/Secom UnB.

Palavras-chave